Cidade

Esquadrilha da Fumaça se apresenta na inauguração de cursos do Câmpus São Carlos do IFSP

A apresentação da Esquadrilha da Fumaça em comemoração ao início dos novos cursos do IFSP terá início às 13h e é aberta a todos os interessados.

O Câmpus São Carlos do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP) comemora, no próximo dia 12 de agosto, a abertura dos novos cursos de Engenharia Aeronáutica e Técnico em Manutenção Aeronáutica em Grupo Motopropulsor. A celebração contará com uma apresentação da Esquadrilha da Fumaça, que sobrevoará o câmpus por cerca de 40 minutos.

Os novos cursos oferecerão aos jovens e aos adultos mais possibilidades de formação e, consequentemente, empregos qualificados na área em uma região que está se consolidando como um polo da aviação brasileira. Para o professor Érico Felipe Bruschi, os profissionais da aviação são “profissionais do mundo”, uma vez que a atividade qualificada lhes permite trabalhar em diversos países de todas as partes do mundo, além de diferentes regiões do Brasil.

Com um amplo hangar equipado com diversos laboratórios necessários à qualificação prática dos alunos, os docentes do IFSP oferecem aulas teóricas e práticas criando cenários para as experiências aeronáuticas bem próximas às situações de mercado, em um ambiente de realidade diária encontrada nas oficinas e centros de manutenções.

Os cursos, oferecidos gratuitamente, são reconhecidos pela Agência Nacional da Aviação Civil (Anac) e pelo Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura (Crea). Os alunos têm à disposição uma estrutura física de alta qualidade e docentes com alto grau de preparação acadêmica e experiência profissional no mercado da aviação civil.

Esquadrilha

A apresentação da Esquadrilha da Fumaça em comemoração ao início dos novos cursos do IFSP terá início às 13h e é aberta a todos os interessados. A ação tem apoio da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) e da Prefeitura de São Carlos.

Para o voo de demonstração, a Esquadrilha da Fumaça da Força Aérea Brasileira (FAB) utilizará sete aeronaves Embraer A-29 Super Tucano, cada uma tripulada por um piloto. Um oitavo piloto permanece em solo para realizar a locução das cerca de 50 manobras realizadas. A Embraer A-29 Super Tucano foi adotada pela Esquadrilha da Fumaça em 2015. O avião já era empregado pela FAB, cumprindo missões de defesa aérea, treinamento avançado, ataque leve, escolta, patrulha aérea de combate e formação de líderes da aviação de caça. A segurança nas demonstrações é uma preocupação constante do Esquadrão, por isso são seguidos rigorosos protocolos de segurança.

Após a apresentação da esquadrilha, os alunos dos novos cursos do IFSP serão recebidos pelo reitor, Silmário Batista dos Santos.

Novos cursos

O curso Técnico em Manutenção Aeronáutica em Grupo Motopropulsor é oferecido nas modalidades concomitante e subsequente ao ensino médio, ou seja, para estudantes que cursam o 2º ou 3º anos do ensino médio regular em outra instituição de ensino ou para aqueles que já concluíram o ensino médio, não importa há quanto tempo. Com duração de dois anos, tem por objetivo principal formar profissionais para realizar e orientar tecnicamente o preparo, os documentos e a realização da manutenção preventiva, corretiva e preditiva de aeronaves, seguindo normas técnicas dos manuais e agências reguladoras nacionais e internacionais.

Érico Felipe Bruschi, coordenador do curso, destaca que o técnico proporciona uma rápida mudança na carreira daqueles que já estão no mercado de trabalho e querem iniciar na área da aviação, e é uma carreira promissora aos jovens que ingressarem no curso durante o ensino médio. “O mercado de trabalho em aviação está em ampla expansão por conta dos drones comerciais autocontrolados com transporte de passageiros, cuja manutenção é feita por profissionais da manutenção aeronáutica”, revela. A aviação tradicional também deve crescer no próximo ano, se o cenário de recuperação econômica pós-pandemia se mantiver, aponta Érico, ao destacar a existência de duas gigantes da aviação na região de São Carlos: Latam e Embraer, “que são grandes consumidoras da nossa mão de obra”, cita.

Outro mercado bastante atraente na aviação é o agrícola, que vem crescendo e demandando profissionais, inclusive em outros estados brasileiros. “Dizemos que a profissão de mecânico aeronáutico é uma profissão do mundo. Além de diversas regiões do Brasil com escassez desse profissional, há países, como os Estados Unidos, flexibilizando a entrada de profissionais brasileiros da aviação para suprir a demanda do mercado interno”. Segundo o professor, atualmente, Canadá, Portugal, Alemanha, União Europeia e Emirados Árabes, além dos Estados Unidos, contratam mecânicos brasileiros de manutenção de aeronaves.

Os salários são atrativos. Hoje, no Brasil, um profissional recém-formado tem salário inicial entre dois a três mil reais, enquanto um mecânico chefe tem salário médio de oito mil, mas esse montante tende a aumentar devido à alta demanda e à escassez de profissionais, observa Érico.

E quem já trabalha como mecânico automotivo também pode se dar bem na aviação, alerta o docente, já que o curso aborda toda a parte básica de motores. Por outro lado, o curso também está aberto para quem gosta de motorização, porém tem dúvidas sobre a área da aviação. “Podem nos procurar que serão alimentados de conhecimento para trabalhar em diferentes áreas”, finaliza.

 

O curso superior de Engenharia Aeronáutica tem a duração de cinco anos (10 semestres) e tem por objetivo preparar o estudante para atuar em todas as fases do projeto aeronáutico; capacitar para planejar e gerenciar os processos e os procedimentos de manutenção de aeronaves nas áreas de célula, grupo motopropulsor e aviônicas; habilitar para gerenciar obras e serviços ligados à infraestrutura aeronáutica; fomentar nos discentes a cultura da qualidade como forma de garantir a eficiência operacional e, principalmente, a segurança em todas as atividades aeronáuticas; qualificar para atuação em temas contemporâneos e alinhados às novidades criadas pelas novas tecnologias.

O coordenador do curso de Engenharia Aeronáutica, José Antônio Garcia Croce, cujas aulas tiveram início em março deste ano, explica que a abertura do curso busca dar continuidade a um dos fundamentos que nortearam a implantação do câmpus, ou seja, a oferta de formação profissional na área aeronáutica. “Pretendemos atender a crescente demanda por profissionais na região, principalmente de engenheiros aeronáuticos, pois a cidade de São Carlos está se consolidando como um dos polos da área da aviação no Brasil, tanto do ponto de vista acadêmico, quanto empresarial”, observa.

José Antônio completa a lista de empresas aéreas da região: “contamos com o Centro Tecnológico de Manutenção da empresa Latam, a Airship do Brasil e a Opto Space & Defense, além de empresas do emergente mercado de Veículos Aéreos Não Tripulados (VANT), como a Xmobots. Próximo à cidade, em Gavião Peixoto, estão as instalações da empresa Embraer, bem como de seus fornecedores, grande demandante de engenheiros aeronáuticos”.

Mais cursos

O Câmpus São Carlos do IFSP também oferece outros cursos na área de aeronáutica: Técnico em Manutenção Aeronáutica em Célula, Técnico em Manutenção de Aeronaves em Aviônicos e Tecnologia em Manutenção de Aeronaves. O diretor do Câmpus São Carlos, Rivelli da Silva Pinto, destaca que, com as inaugurações, a unidade “atinge sua maturidade neste eixo de formação, habilitando técnicos nas três áreas da manutenção aeronáutica:  célula, motores e aviônicas, e verticalizando a formação com o curso de Engenharia Aeronáutica”.

O curso de Engenharia Aeronáutica ofereceu 40 vagas para o 1º semestre de 2022 por meio de processo seletivo que utilizou a nota do Enem. As ofertas para o curso são anuais. Já o curso Técnico em Manutenção Aeronáutica em Grupo Motopropulsor ofereceu 40 vagas para o 2º semestre de 2022 por meio de seleção com prova.

Novas vagas serão oferecidas no 1º semestre de 2023. Todos os cursos são gratuitos.

Saiba mais sobre os cursos em scl.ifsp.edu.br.

Mostrar mais

Revelando São Carlos

O Site Revelando São Carlos prima pela qualidade de suas informações, pois considera importante qualificar as discussões nas suas áreas de maior abrangência, como política, noticias de São Carlos e região, economia, educação, assuntos de relevância social, etc, a fim de prestar o melhor serviço a nossos leitores.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios
%d blogueiros gostam disto: