Cidade

Cartórios de São Carlos registram o terceiro janeiro mais mortal da série histórica

No mês que marcou avanço dos casos causados pela variante ômicron na cidade, número de óbitos reduziram em relação ao mesmo mês do ano passado; e mortes por pneumonia aumentam mais de 65%

O aumento de casos de Covid-19 causados pela variante ômicron e seus diferentes reflexos no organismo humano pode ser uma das explicações para o recorde histórico de óbitos registrados pelos Cartórios de Registro Civil de São Carlos em janeiro de 2022, o terceiro mais mortal desde o início da série histórica em 2003, ficando atrás de 2019 e 2021. Os falecimentos por pneumonia também tiveram, em janeiro de 2022, um aumento de 66% em comparação ao mesmo mês de 2021.

Em janeiro de 2022 foram registrados 166 óbitos na cidade, uma redução em relação a 2021, que registrou 167 mortes no mês. Em janeiro de 2019, mês mais mortal da série histórica, foram 169 registros. Já as mortes por pneumonia passaram de 21 em janeiro de 2021 para 35 neste ano. Em 2020, antes da pandemia, foram 24 óbitos pela doença.

Os dados constam no Portal da Transparência do Registro Civil (https://transparencia.registrocivil.org.br/inicio), base de dados administrada pela Associação Nacional dos Registradores de Pessoas Naturais (Arpen-Brasil), abastecida em tempo real pelos atos de nascimentos, casamentos e óbitos praticados pelos 7.658 Cartórios de Registro Civil do País — presentes em todos os 5.570 municípios brasileiros –, e cruzados com os dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), que utilizam como base os dados dos próprios cartórios brasileiros.

Outro dado observado pelos números de óbitos registrados pelos Cartórios de São Carlos está relacionado ao crescimento de mortes por doenças respiratórias em janeiro deste ano na comparação com o primeiro mês do ano passado: Septicemia (7%) e Insuficiência Respiratória (70%). Também registraram crescimento as mortes AVC (22%). Já os óbitos por Covid-19 tiveram redução de 37% no período.

“Os números dos Cartórios de Registro Civil mostram mais uma vez, em tempo quase que real, o retrato fidedigno do que acontece com a população brasileira. Embora haja uma diminuição clara nos óbitos por Covid-19, ainda não se conhecem todos os efeitos das novas variantes, em especial da ômicron, que, diante do aumento de casos no último mês, parece ser a causa do crescimento de óbitos de outras doenças, como a pneumonia, doenças do coração e septicemia”, explica Gustavo Renato Fiscarelli, presidente da Arpen/BR.

Sobre a Arpen/SP

Fundada em fevereiro de 1994, a Associação dos Registradores de Pessoas Naturais do Estado de São Paulo (ArpenSP) representa os 836 cartórios de registro civil, que atendem a população em todos os 645 municípios do estado, além de estarem presentes em outros 169 distritos e subdistritos, realizando os principais atos da vida civil de uma pessoa: o registro de nascimento, casamento e óbito.

Mostrar mais

Edson Amaral

O Site Revelando São Carlos prima pela qualidade de suas informações, pois considera importante qualificar as discussões nas suas áreas de maior abrangência, como política, noticias de São Carlos e região, economia, educação, assuntos de relevância social, etc, a fim de prestar o melhor serviço a nossos leitores.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios